Autores brasileiros distinguidos

Palestras e exposições de livros vão marcar este ano a homenagem aos "homens de letras" brasileiros na feira na Colômbia
Fotografia: AFP
A Feira Internacional do Livro de Bogotá, na Colômbia, que abre dia 18, vai homenagear o Brasil com debates, leituras, palestras e exposições, com objectivo de mostrar a pluralidade e a diversidade cultural.
Na sua 25ª edição, a feira é considerada como o acontecimento editorial e cultural mais importante da Colômbia e é uma fonte de negócios para o sector editorial. Junta livreiros, distribuidores, editores, leitores nacionais e internacionais.
O Brasil, com uma vasta delegação, cujos escritores convidados vão ser homenageados, leva à feira dez mil livros em português e em espanhol. Entre os 50 escritores e ilustradores brasileiros seleccionados pela curadora Guiomar de Grammont estão nomes como Nélida Piñon, Marina Colasanti, Zuenir Ventura, Silviano Santiago, Ziraldo, Fernando Vilela, Cristóvão Tezza, Affonso Romano de Sant’Anna, Adriana Lisboa, Roger Mello, Daniel Galera e Daniel Munduruku.
A culinária do Brasil também vai ser apresentada na feira, que conta ainda com uma área para crianças, além de livrarias.
A música brasileira também integra a programação. Marcelo Jeneci, Fernanda Takai, Mariana Aydar e quarteto Radamés Gnatalli são alguns dos artistas confirmados.  Na feira vai haver espaço ainda para o intercâmbio cultural, em que o brasileiro Pedro Luís vai subir ao palco com o uruguaio Fernando Cabrera.
Exposições e espectáculos (música e teatro) vão ser apresentados em centros culturais e universidades de Bogotá, estando já aberta ao público a mostra “O Lugar do Escritor”, de Eder Chiodetto, patente no Centro Cultural García Márquez. 
Os visitantes da feira vão poder conhecer vida e obra de Clarice Lispector e Cora Coralina. 

A feira, criada em 1988, reúne escritores, artistas, editores e livreiros e visitantes, na maior parte dos casos, da América Latina, Caraíbas e dos Estados Unidos.

Fonte: Jornal de Angola

Postagens mais visitadas