31 de mar de 2010

Bonifácio José Baniwa assume Secretaria de Estado para os Povos Indígenas


Fonte: Portal Amazônia, com informações da Seind

Foto: Divulgação/Seind











MANAUS -
Waku sese, que significa muito obrigado em sateré-mawé. Foi desta forma que o líder indígena Jecinaldo Sateré-Mawé oficializou o desligamento dele como titular da Secretaria de Estado para os Povos Indígenas (Seind), nesta quarta-feira (31), no Fazendário Clube.


Tornar o movimento indígena cada vez mais forte e sólido no Amazonas. Este foi o tom do discurso de despedida feito, de forma emocionada, por Jecinaldo, durante o almoço que marcou o lançamento da agenda de atividades da Seind para 2010.

Siga o Portal Amazônia pelo Twitter

O ex-presidente da Federação Estadual dos Povos Indígenas (Fepi) e então secretário Executivo da Seind, Bonifácio José Baniwa, assume interinamente a Seind. Ainda nesta quarta-feira, Jecinaldo entregou a carta de desincompatibilização ao governador Eduardo Braga. 

Antes de apresentar a Agenda, o sateré fez um balanço das atividades da Seind nesses quase sete meses de criação do órgão. Ele falou dos avanços e perspectivas da pasta para este ano.

Ações

Lembrou que entre as principais ações programadas estão a Inclusão Digital em Terras e Comunidades Indígenas; o Projeto Propriedade de Saberes e afirmação da Identidade Étnica; os projetos do Território da Cidadania Indígena no Alto e Médio Rio Negro e também no Madeira; e o Fortalecimento do Arranjo Produtivo do Artesanato Indígena no Alto Solimões, Vale do Javari e Médio Purus.

- Agradeço a confiança do governador e das organizações e lideranças indígenas em poder contribuir de forma participativa com o governo, disse.

- O Boni é do Rio Negro e o José Mário (Mura) do Madeira, eles vão continuar o projeto que nasceu das lutas indígenas, comentou.

Representantes

O evento teve a participação de representantes da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SDS), Fundação Nacional de Saúde (Funasa), Casa Civil, Coordenação das Organizações Indígenas Brasileira (Coiab) e Secretaria de Estado da Educação (Seduc).

Para o líder do Governo na ALE, deputado Sinésio Campos, um dos que lutaram pela criação da Seind, a secretaria chegou para ficar e tem demonstrado isso nesses sete meses.

- Esta secretaria está discutindo políticas públicas de inclusão social no Estado que tem a maior população indígena do Brasil, destacou.

- Por isso é bom que os outros estados criem suas secretarias, pois o Amazonas está dando um exemplo de cidadania, acrescentou.

Oficina com a Funai

Uma outra atividade da Agenda-Seind é a oficina que o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado para os Povos Indígenas (Seind), e a Fundação Nacional do Índio (Funai) promovem nos próximos dias 7 e 8, em Manaus.

O objetivo é promover condições para um planejamento de atividades integradas, de modo a otimizar a gestão de ações de políticas públicas, além de identificar processos de acompanhamento e de orientação à implementação de agendas compartilhadas junto aos povos indígenas.

O evento é um dos resultados do Termo de Cooperação Técnica firmado entre o órgão e a instituição no último mês de dezembro, durante a realização do Fórum Amazonas Indígena (Forind), e faz parte da agenda de atividades da Seind para 2010.

Programação

A oficina começa às 8h30, no Lord Manaus Hotel. A abertura dos trabalhos será feita pelo presidente da Funai, Márcio Meira, e o líder indígena Jecinaldo Sateré-Mawé.

Entre os temas a serem debatidos estão a atuação da Funai no Amazonas e as ações previstas no Plano Plurianual (PPA); panorama da Seind sobre a atuação do Governo do Estado junto aos povos e comunidades indígenas; gestões territorial e ambiental das terras indígenas; e promoção dos povos indígenas no Amazonas, na perspectiva de valorização do patrimônio sócio-cultural indígena. (JK)
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Página inicial

OUÇA A RÁDIO PORANDUBA

Postagem em destaque

TAWÉ - NAÇÃO MUNDURUKU - UMA AVENTURA NA AMAZÔNIA

TAWÉ - NAÇÃO MUNDURUKU - UMA AVENTURA NA AMAZÔNIA WALTER ANDRADE PARREIRA EDITORA DECÁLOGO (primeira edição publicada em 2006)   Prefaciei...

Total de visualizações

INSTITUTO UKA