Indígenas expõem arte amazônica na sede da ONU em Nova York

Ao todo, cem obras serão expostas até 6 de novembro.
Participantes são de cinco etnias distintas.

Do Globo Amazônia, em São Paulo

Obras de oito artistas indígenas da Amazônia estão em exposição na sede da ONU, em Nova York. A mostra acontece dentro de evento organizado pela Sociedade da Língua Portuguesa da Organização das Nações Unidas (UNSRC) e acontece de 26 de outubro a 06 de novembro de 2009, no saguão do prédio da sede.

Divulgação /Divulgação

Obra 'Besouro III' de Dhiani Pa'saro, feita em marchetaria. (Divulgação)

Ao todo, serão expostas cem obras de arte de tinta acrílica sobre tela e marchetaria. Os artistas que participam da mostra são Duhigó e Yúpuri, da etnia tukano; Dhiani Pa'saro, da etnia wanano; Iwiri-ki e Sãnipã, da etnia apurinã; Tóo Xac Wa, da etnia óro náo; e Tchanpan e Kawena, da etnia kokama. Eles são integrantes do elenco da Galeria de Arte e Imaginário da Amazônia (Gaia), em Manaus.

Divulgação /Divulgação

'Banzeiro de cobra', de Duhigó em tinta acrílica sobre tela. (Foto: Divulgação)